Dinheiro, raiz de todo o mal ou não?

Para termos uma casa mais próspera e com dinheiro, temos que passar por cima de algumas “crenças” que nos mantem preso a determinados comportamento ou energias.

Uma das maiores crenças, que eu conheço, é a de que o dinheiro é a raiz de todo mal. Já vi muita gente dizendo isso, sem enxergar que o fluxo de energia não consegue passar por esse seu sentimento/pensamento, seja ele consciente ou não.

A culpa por ganharmos dinheiro, mais do que o vizinho, o irmão, o amigo, sem fazermos tanto esforço quanto esses, também impede que esse dinheiro nos transforme em pessoas prósperas. Pois por mais dinheiro que se ganhe, não se consegue estar em dia com as contas e as dívidas sempre aumentam, enquanto que  o vizinho, o irmão ou o amigo, estão sempre em ordem com as contas, se sentem felizes e sem dívidas, ganhando menos.

Dinheiro cria a corrupção, ou é a “raiz de todo mal.

Outros definem a sua auto-estima com base em dinheiro. Alguns acham que é a única coisa que pode garantir a felicidade.

Estão certos? Não sei, o que você acha?

Para o Feng Shui fluir de forma coerente e correta, com as boas energias entrando casa a dentro, precisamos sempre saber o que queremos.

Se o que buscamos é a prosperidade, melhoria de vida ou dinheiro, precisamos quebrar algumas barreiras.

Um bom exercício, é sentar-se, tranquilamente, e pensar sobre os seus sentimentos em relação ao dinheiro.

Faça uma lista sobre os pensamentos negativos que você tem sobre o dinheiro, o quanto, inconscientemente isso o torna culpado, ou o quanto você não é merecedor de uma vida próspera e com dinheiro. Seja honesto com você, faça a lista com calma.

Depois de feita essa lista, eu poderia sugerir a você que a pegasse, picasse toda e jogasse fora, mas eu venho aprendendo bastante, com meu amigo e coach Rogério Peixoto, através do FEFT que precisamos jogar alguns sentimento fora e não coloca-los embaixo do tapete.(Em breve, teremos o Rogério inaugurando a sessão Bem Estar, fazendo um post quinzenal ou mensal aqui conosco. Mas isso é outra história.. rs). veja nos vídeos do Rogério, como acabar com esses sentimentos.

Bem, depois de ver como jogar todas essas crenças que te prendem num lugar comum a muita gente, é hora de praticar a limpeza da casa e os passos para ativar as áreas de prosperidade de sua casa.

Apesar de ser a parte mais chata, a faxina geral, aquela que eu sempre estou falando por aqui, é necessária e é a melhor forma de abrir caminho para as novas e positivas energias entrarem. Eu te garanto, não adianta uma fonte, linda, na área da prosperidade, se a casa está entulhada de lixo e coisas desnecessárias, que só ocupam espaço, mas não tem “vida”. Ou você acha que uma roupa que você não cabe dentro e por isso não usa, tem vida? (Com isso quero dizer ENERGIA)..

Vamos lá, mãos na massa.

Umas boas dicas estão no E-book: 10 Dicas sobre Prosperidade (grátis)

Please follow and like us:

2 opiniões sobre “Dinheiro, raiz de todo o mal ou não?

  • 4 de Maio de 2016 em 08:43
    Permalink

    Bom dia!
    Sempre desejei utilizar o Feng Shui em casa, não em pequenas atitudes, isso eu faço, mas usar de fato em toda casa. Minha dúvida é: a porta principal fica bem no canto direito ( olhando de dentro ), como posicionar o ba-guá?
    Me ajude!!!
    Obrigada

    Resposta

Fale conosco: